Satisfação dos utentes dos cuidados de saúde primários com os cuidados de enfermagem – amostra da região centro de Portugal

Cláudia Chaves, João Duarte, Odete Amaral, Emília Coutinho, Paula Nelas

Resumen


Introdução: A satisfação dos doentes constitui um indicador indispensável para a avaliação da qualidade dos cuidados e há evidência da sua correlação com os resultados em saúde. A satisfação com os cuidados de saúde é um conceito multidimensional que considera aspetos como acesso, organização e interação doente - profissional. Consideramos que os cuidados de enfermagem, em particular, são fundamentais no processo saúde/doença.

Objetivos: Validar uma escala para avaliar a satisfação dos utentes face aos cuidados de enfermagem, adaptado do instrumento EUROPEP e avaliar a satisfação dos utentes dos cuidados de saúde primários da região centro de Portugal.
Material e métodos: Estudo transversal, com uma amostra de 827 utentes adultos (maioria do sexo feminino 64,4%) com uma média de idade de 50,08±18,58 anos. Os dados foram recolhidos através de um questionário, constituído por variáveis sociodemográficas, o instrumento EUROPEP (Ferreira, 1995) para avaliar a satisfação com os cuidados de saúde primários e para avaliar a satisfação especificamente com a equipa de enfermagem elaboramos questões adaptadas do instrumento EUROPEP e agrupadas nas dimensões relação de ajuda, dimensão interpessoal e instrumental. A consistência interna, reprodutibilidade e análise de conteúdo foram avaliados com recurso ao SPSS 23.0; considerando a consistência aceitável para um de Cronbach > 0,70. O coeficiente para cada item é apresentado com um intervalo de confiança de 95%.
Resultados: Em todas as dimensões do questionário EUROPEP, a maior percentagem de satisfação com os cuidados situou-se entre “boa” e “muito boa”. As dimensões criadas para avaliar especificamente os cuidados de enfermagem apresentaram um coeficiente de α de Cronbach total de 0,972.
Conclusões: Estes resultados sugerem que as dimensões criadas para avaliar os cuidados de enfermagem serão úteis para a investigação na população Portuguesa. A satisfação do utente é decisiva para a qualidade e eficiência dos cuidados prestados, sendo necessário o compromisso de todos os prestadores na implementação de práticas sistemáticas de gestão que conduzam à satisfação, dando particular atenção à melhoria contínua dos processos organizacionais.


Palabras clave


satisfação dos utentes; cuidados de saúde primários; cuidados de enfermagem; adulto; Portugal

Texto completo:

PDF (Português (Portugal))

Referencias


Agüero, F.P., Cobo, P.A., & Fuentes, A.F. (2008). Satisfacción de los pacientes en la consulta de enfermería de enfermedad renal crónica avanzada. Revista de la Sociedad Española de Enfermería Nefrológica, 11(3),167-172.

Alejo, B.P., & Diez, P.G. (2005). Grado de satisfacción de la población con los servicios de enfermería en un área de salud. Revista Cubana de Enfermería, 21(2): Ciudad de la Habana.

Coimbra, V.C.C., Kantorski, L.P., Oliveira, M.M., Pereira, D.B., Nunes, C.K., & Eslabão, A.D. (2011). Avaliação da satisfação dos usuários com o cuidado da saúde mental na Estratégia Saúde da Família. Revista da Escola de Enfermagem da USP, 45(5):1150-1156. Disponível em http://www.scielo.br/pdf/reeusp/v45n5/v45n5a17.pdf

Esher, A., Santos, E.M., Magarinos-Torres, R., & Azeredo, T.B. (2012). Construindo critérios de julgamento em avaliação: especialistas e satisfação dos usuários com a dispensação do tratamento do HIV/Aids. Ciência & Saúde Coletiva, 17(1):203-214.

Ferreira, P.L., Antunes, P., & Portugal, S. (2010). O valor dos cuidados de saúde primários: Perspetiva dos utilizadores das USF. Lisboa: Ministério da Saúde.

Ferreira, P.L., Raposo, V., & Godinho, P. (2005). A voz dos utilizadores dos Centros de Saúde. Lisboa: Instituto da Qualidade em Saúde.

Ferreira, P.L. & P. Antunes (2009). “Monitorização da satisfação dos profissionais das USF”, Centro de Estudos e Investigação em Saúde, Universidade de Coimbra. Disponível em URL:http://www.uc.pt/org/ceisuc/Investigacao/Proj_concluidos/Sat_USF/result_prof.

Lobo, A., Martins, A., Carvalho, A., Santos, M., Monteiro, M., & Rodrigues, V. (2013). Acessibilidade e Equidade nos Cuidados de Saúde: Acessibilidade e Equidade nos Cuidados de Saúde: relação com a qualidade de vida e satisfação. 1ª edição; ISBN: 978-989-97708-2-9.

Ministério da Saúde. Grupo Técnico para o Desenvolvimento dos Cuidados de Saúde Primários. (2012). Os Cuidados de Saúde Primários nas Unidades Locais de Saúde. Documento de trabalho - versão de 2012.09.30. http://www.acss.min-saude.pt/Portals/0/6-ulsecsp_2012.09.30.pdf

Pimentel, H.J.M.F. (2010). Avaliação da satisfação dos utentes em relação aos centros de Saúde do Serviço Regional de Saúde dos Acores. (Dissertação de mestrado). Universidade dos Açores.

Ribeiro, A.L.A. (2003). Satisfação dos utentes com os cuidados de enfermagem. Construção e validação de um instrumento de medida. Dissertação apresentada à Escola Superior de Enfermagem de S. João, para concurso de provas públicas para professor coordenador na área científica de ciências de enfermagem Porto, Porto.

Ribeiro, A.L. (2005). O percurso da construção e a validação de um instrumento para avaliação da satisfação dos utentes em relação aos cuidados de enfermagem. Revista Ordem dos Enfermeiros, (16):53-60.

Roque, H., Veloso, A., & Ferreira, P.L. (2016). Versão portuguesa do questionário EUROPEP: contributos para a validação psicométrica. Revista de Saúde Publica, 50:61. DOI: 10.1590/S1518-8787.2016050006259.

Silva, C.A., Lopes, A.M.S., Massapina, I.C., & Santos, T.C.A (2007). Estudo da Satisfação dos Utentes do Hospital Espírito Santo de Évora E.P.E. (Relatório Final). Universidade de Évora, Centro de Investigação em Sociologia e antropologia, Évora. Disponível em http://www.hevora.min-saude.pt/media/uploads/cms_media/151/relatorio_final_hese_epe.pdf.




DOI: https://doi.org/10.17060/ijodaep.2016.n2.v1.582 Statistics: Resumen : 1232 views. PDF (Português (Portugal)) : 295 views.  

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.




Copyright (c) 2016 Cláudia Chaves, João Duarte, Odete Amaral, Emília Coutinho, Paula Nelas

Licencia de Creative Commons
Este obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial-SinObraDerivada 4.0 Internacional.

"International Journal of Developmental and Educational Psychology."

Revista Infad de Psicología.

ISSN digital: 2603-5987

ISSN impreso: 0214-9877